> CASADO  
Casado

- Aquele mito que elas só fazem sexo por amor, será verdade?
- Ela anda muito mais vaidosa, não dispensa o ginásio e o cabeleireiro?
Quando confrontada, disfarça bem, nega tudo, mas continua...?
- A flexibilidade horária, a afirmação profissional dela, a independência financeira, a subtileza do mistério, os silêncios, o culto da vaidade, as longas horas perdidas e "justificadas" nas compras, a arrogância em casa... Assusta-o?
- E aquela amiga, que lhe pede ajuda, ao ponto de ela ter de ficar lá em casa, a noite toda... Estranho, não?
- Quando confrontada com factos estranhos, ela desmente tudo, acusa-o de ciumento, mas irredutível deixa no ar uma arrogância estranha...?
- Há quanto tempo que o carinho e a doçura dela desapareceram?
- Muitos dias são tensos, insuportáveis e de alguma solidão?
- As amigas dela estão sempre em primeiro lugar?
- Já a apanhou a olhar longamente, e no vazio, para aquele seu amigo, que ultimamente passa a vida lá em casa?
- E os amiguinhos ou colegas de trabalho dela? Sobretudo os mal casados, são de confiança?
- Quanta desculpas esfarrapadas, tipo: furos e avarias no carro, transito super engarrafado, acidente que entupiu a estrada, ficar de surpresa sem gasolina, acidente ou doença súbita de uma colega e ida com ela ao hospital, serões imprevistos, aniversários constantes do grupo de amigos... e sei lá que mais, ela já deu, quando chega tarde a casa, nos últimos meses? >>

   
<< anterior seguinte >>